O que fazer em caso de bagagem danificada

Bagagem danificada no voo: entenda o que fazer

Viajar é um momento necessário para descansar e relaxar. Expectativas são criadas e planos são feitos para esse momento tão aguardado, mas alguns imprevistos, como ter a sua bagagem danificada no voo, podem ocorrer, transformando um momento de prazer em situação de transtorno.

No instante em que sua mala é despachada, a responsabilidade passa a ser da companhia aérea. Mas você sabe qual atitude tomar quando a mala sofre avarias no transporte?

Continue a leitura e entenda tudo sobre a resolução da ANAC nesse caso, normativa que resguarda o direito do consumidor!

Os procedimentos de checagem antes de despachar o objeto

No momento do embarque é importante fazer a conferência do estado de conservação do objeto, seja uma mala ou outro bem, antes de despachá-lo. 

No instante prévio à viagem, é realizado o check-in, o registro de chegada e entrada dos objetos.

É a primeira etapa a ser cumprida ao chegar no aeroporto. Por isso, cheque seus pertences, pois uma simples conferência pode evitar burocracias em relação aos direitos do consumidor!

 

Verificar a mala

O processo de verificação das malas antes de despachá-las é de suma relevância com intuito de assegurar seus direitos. Para tanto, analise as condições em que você deixou a bagagem no aeroporto para poder comprovar eventuais danos.

Além disso, é necessário ter atenção à quantidade e volume permitidos. Caso contrário, você pode correr o risco de viajar sem algumas malas. Desse modo, esteja alerta às informações descritas nas companhias aéreas e na convenção de transporte.

 

Envelopar a mala, se for necessário

Essa proteção conta com algumas vantagens de conservação. O envelopamento preserva de arranhões, rompimento de fechos, dentre outras avarias. Além disso, consegue  melhorar a identificação da bagagem e evitar sua perda ou roubo.

 

Fazer uma declaração de valores, caso haja pertences valiosos

Se você tem algum bem de alto valor e precisa transportar em viagem, é recomendável a emissão de declaração de bagagem. Com esse documento é possível acionar a companhia e requerer indenização no valor dos bens declarados.

Quando a perda, extravio ou roubo da bagagem acontecem, alguns consumidores se resguardam solicitando que a empresa aérea registre relatório de irregularidade de bagagem. Assim, o passageiro tem a possibilidade de reaver os pertences. Se não for possível a recuperação, tem o direito de solicitar indenização por danos morais e materiais.

 

Fotografar a mala como forma de prova

Para pedir ressarcimento é indicado fotografar o estado da mala de modo a provar as condições anteriores, como:

  • zíper;
  • costura;
  • cadeado;
  • estrutura.

Dessa forma, fica mais fácil comprovar que a bagagem não estava violada antes de embarcar. Nesse sentido, vale a pena conhecer alguma plataforma de direito do consumidor e verificar seus direitos básicos.

 

Os procedimentos caso o dano seja constatado no desembarque

Se a bagagem danificada for percebida no desembarque, o consumidor precisa procurar algum representante responsável pela agência aérea. Peça-o para formalizar sua queixa sobre o ocorrido no aeroporto de forma detalhada. 

Se for constatado fora da companhia, solicite informações a respeito do procedimento e prazo para acionar as medidas necessárias.

 

As formas como o passageiro deve ser ressarcido e em qual prazo

Na ocorrência de avarias ou violações, vale destacar que a firma deve reparar o dano ou realizar a substituição por outra bagagem equivalente. Você tem o prazo de 7 dias para reportar a queixa a contar do recebimento do seu bem. Segundo a ANAC, a empresa tem o mesmo prazo de 7 dias para ressarcir as falhas.

Gostou de entender melhor sobre a temática? Acompanhe a direitojá nas redes sociais e fique por dentro dos seus direitos em caso de problemas com voo ou e-commerce. Estamos no Facebook, Instagram e LinkedIn.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Baixe agora o manual para planejar sua viagem!

Neste Manual do Planejamento de Viagem, a direitojá traz todas as dicas para os viajantes organizarem suas viagens de avião e evitarem imprevistos na sua jornada.