Descubra 4 maneiras de localizar bagagem extraviada

Como localizar bagagem extraviada? Veja 4 maneiras

Ao fazer uma viagem, entre as principais preocupações dos passageiros está o extravio de bagagem. Afinal, chegar ao destino sem as malas é bastante incômodo, não é mesmo? Além disso, há preocupações sobre como localizar bagagem extraviada, já que ela pode ter diferentes destinos.

Diante disso, existem alguns cuidados que você pode adotar de modo a minimizar os transtornos causados por essa situação. Ainda, conhecer as práticas aplicadas pelas companhias aéreas costumam trazer mais tranquilidade ou, ao menos, auxiliar na escolha de quais medidas tomar para proteger suas malas.

Quer saber como localizar bagagem extraviada? Neste conteúdo, você conhecerá 4 possibilidades e descobrirá o que fazer diante da falta de suporte da companhia aérea. Confira!

Aqui você verá:

    • Dispositivo de GPS na mala
    • Monitoramento por radiofrequência
    • Código de barras
    • Aplicativos dedicados
    • Saiba o que fazer caso a companhia aérea não coopere

Formas de localizar a bagagem extraviada

Diante da importância de saber como localizar a bagagem extraviada, vale a pena entender quais são as principais medidas que podem ser adotadas — tanto por você quanto pelas empresas aéreas. Conheça 4 possibilidades!

1. Dispositivo de GPS na mala

É comum identificar a mala e incluir sinalizações que facilitem a localização, certo? Esse é um cuidado importante para evitar trocas de malas entre passageiros e facilitar a busca pela sua bagagem na esteira.

Porém, você pode aprimorar o processo e garantir a fácil localização da mala — especialmente em caso de extravio ao inserir um dispositivo GPS na bagagem. Seu funcionamento é semelhante ao mecanismo utilizado em smartphones ou carros.

Assim, em caso de extravio, a ferramenta permite identificar a localização em tempo real e agilizar a adoção de procedimentos de entrega das malas aos passageiros. E, ela pode ser instalada pelo próprio consumidor ou fazer parte das estratégias da companhia.

2. Monitoramento por radiofrequência

Algumas companhias aéreas utilizam o monitoramento por radiofrequência (RFID). Para tanto, no processo de check-in e despacho são inseridos chips nas etiquetas da bagagem, permitindo a fácil localização da mala.

Em alguns casos, são disponibilizados aplicativos ao passageiro que permitem fazer o acompanhamento em tempo real. Em outras situações, os clientes apenas recebem atualizações de status por e-mail ou SMS, por exemplo.

Isso traz praticidade no processo para buscar a bagagem nas esteiras do aeroporto e permite identificar facilmente situações de extravio e a localização atual. Desse modo, eventuais problemas podem ser solucionados com mais agilidade.

3. Código de barras

Esse é o modelo mais tradicional, usado desde a década de 1990. Nesse caso, as etiquetas de bagagem são impressas com um código de barras, que traz os dados do passageiro e informações para auxiliar no rastreio.

Depois, a cada movimentação da mala o código é escaneado, atualizando o sistema. Assim, a partir dos dados do passageiro, a companhia aérea pode rastrear a localização da bagagem.

Entretanto, quando há muito manuseio da bagagem, é comum que aconteçam desgastes na etiqueta, dificultando o processo.

4. Apps dedicados

Para auxiliar na busca pelas malas extraviadas, é possível utilizar aplicativos dedicados. Em alguns casos, eles funcionam em conjunto com dispositivos que usam a tecnologia GSM e GPS para o rastreio. Em outros casos, é possível encontrar ferramentas como as etiquetas inteligentes, que exercem a mesma função.

Saiba o que fazer caso a companhia aérea não coopere

Além de entender como localizar bagagem extraviada, é importante saber o que fazer caso a companhia aérea não coopere com o processo ou diante de outros prejuízos gerados por esse transtorno. Nessas situações, é importante manter os registros de contato, protocolos e outras provas sobre os fatos.

O passo seguinte é ingressar com uma ação judicial, que pode incluir danos morais, referente aos transtornos causados, e materiais, em caso de prejuízos financeiros gerados pelo extravio. Na prática, os direitos do passageiro variam conforme cada caso e as provas apresentadas na ação.

Por isso, é importante ter suporte jurídico de qualidade. Para tanto, você pode recorrer à plataforma direitojá, que faz a ponte entre advogados especialistas e os consumidores. Assim, você terá mais facilidade de identificar os seus direitos e adotar as medidas necessárias com maior tranquilidade e segurança.

Agora que você já sabe como localizar bagagem extraviada, vale a pena seguir alguns cuidados para auxiliar no processo e verificar as práticas adotadas pela companhia aérea. E, caso passe por um problema do tipo, procure apoio jurídico e busque seus direitos.

Está com problemas relacionados à sua viagem? Acesse o site da direitojá e faça uma avaliação gratuita do seu caso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Baixe agora o manual para planejar sua viagem!

Neste Manual do Planejamento de Viagem, a direitojá traz todas as dicas para os viajantes organizarem suas viagens de avião e evitarem imprevistos na sua jornada.